Alimentos ricos em proteínas


COMPARTILHE AGORA MESMO
Alimentos ricos em proteínas
Avalie este post

10 Alimentos ricos em proteínas

Você sabe o que são proteínas? Elas são basicamente, substâncias formadas por um conjunto de aminoácidos ligados entre si, chamados de ligações peptídicas. Tais aminoácidos são moléculas compostas por carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio.

Existem vinte tipos de aminoácidos, presentes em todo processo biológico do nosso corpo. Algumas funções das proteínas são: atuam como enzimas na quebra da lactose e amido;

Auxiliam a contração dos músculos, compõem uma parte da insulina, presentes nos anticorpos (sistema de defesa do organismo), permitem a coagulação e transporte de oxigênio no sangue (hemoglobina).

Soja

A soja possui 34 gramas de proteína a cada 100 gramas ingeridas, sendo de origem vegetal e transgênica. É recomendado não consumir em excesso. Previne doenças como: o câncer de mama, o câncer de colo de útero e o de próstata.

Camarão

O camarão possui 24 gramas de proteína a cada 100 gramas ingeridas, ele possui um teor de colesterol mais alto que em outros peixes, portanto o consumo deve ser moderado.

Possui o ômega 3 que é uma gordura boa, rico em vitamina B12, vitamina D. Pode-se prepará-lo no vapor, incluindo-o no cardápio três vezes por semana. Previne doenças como: artrite, artrose, doenças cardiovasculares, cânceres, doenças neurológicas.

alimentos-ricos-em-protenas-1

Frango

Possui vinte e três gramas de proteína a cada 100 gramas ingeridas. É uma boa fonte de vitaminas e minerais do complexo B, vitamina A e D, que previnem catarata, doenças da pele e aumento de imunidade.

Auxilia também na digestão, enxaqueca, doenças cardiovasculares e claro na perda de peso. O consumo pode ser feito grelhado ou assado.

Salmão

Possuindo 21,62 gramas de proteína a cada 100 gramas ingeridas, é ideal para adeptos de atividades físicas de impacto como musculação, já que ele atua na rápida recuperação muscular.

Contém ômega 3 em grande quantidade, ácidos-graxos (regulam a pressão arterial), rico em Selênio e antioxidantes, sendo boa fonte para perder peso.

Amêndoas

Ela possui 21,1 gramas de proteína a cada 100 gramas ingeridas. Possui a característica de dar saciedade, o consumo de cinco a seis unidades já são suficientes para sentir-se satisfeito antes das refeições.

Além disso possui vitamina B6. A amêndoa retarda o envelhecimento da pele, combate ao câncer de cólon, ajuda a emagrecer, equilibra o colesterol, evita picos de insulina em diabéticos, auxilia no ganho de músculos e fazem bem para o coração.

Outros alimentos ricos em proteínas podem ser mencionados, para aqueles que são vegetarianos ou fazem uma dieta onde não se consome carne.

Entre elas estão: o pistache, que a cada 100 gramas do alimento, 20,9 corresponde a proteína. Ele auxilia também no sistema cardiovascular, controle de peso, é anti-inflamatório, bom para saúde dos olhos, sistema imunológico e para a pele.

Outro alimento bem conhecido é a lentilha, que possui cerca de nove gramas a cada cem gramas ingeridas. Da família das leguminosas, a mesma equivale a cem gramas de carne, devendo ser consumida bem cozida.

Ela auxiliar no sistema cardiovascular, ajuda a emagrecer, possui alto teor de fibras, dando saciedade, energia e rica em ácido fólico, importante para saúde da mulher, mantendo estoque de ferro, prevenindo a anemia e a fadiga.

Outras proteínas são a Quinua, possuindo quatorze gramas totais de cem gramas consumidas no total. É rica em ferro, fibras, cálcio e ômega 3 e 6 protegendo o sistema cardiovascular.

A aveia crua em flocos também é uma proteína que melhora a digestão, ajuda a reduzir o colesterol ruim, pode ser consumida com frutas, vitaminas, panquecas e saladas, e não possui nenhuma contra indicação.

 

Carne vermelha

Possui 21 gramas de proteína a cada 100 gramas ingeridas. O ideal é consumi-las três vezes por semana, escolhendo sempre as mais magras e sem gordura aparente.

São responsáveis por formar o colágeno na pele, a queratina dos cabelos, fortalecendo contra calvície e quedas. É uma boa fonte de ferro, vitamina B12, zinco, vitamina B6 e antioxidantes prevenindo contra a Alzheimer.

alimentos-ricos-em-proteinas-carne-bovina-magra

Peixes

Os peixes possuem 20 gramas de proteína a cada 100 gramas ingeridas. Atuam no combate a doenças do coração e acidente vascular cerebral (AVC). Possuem ômega 3 e protegem o cérebro de doenças degenerativas. O ideal é consumi-los três vezes por semana, assados ou cozidos.

Tofu

Possui 8,1 de proteína a cada 100 gramas ingeridas. É uma espécie de queijo de soja que pode ser incluído em dietas in natura. Possui poucas calorias e é altamente nutritivo.

Alguns o utilizam para substituir a carne vermelha. Previne o câncer de mama, doenças cardiovasculares, é fonte de vitaminas: B, D, E, F e K. Possui também ação anti-inflamatória e antioxidante, prevenindo contra osteoporose. Combate efeitos da tensão pré-menstrual e da menopausa.

Leite de vaca

Possui oito gramas de proteína a cada 100 mililitros. São considerados alimentos completos os que possuem três partes iguais de proteínas, carboidratos e gorduras presentes no leite, em iogurtes, queijos e derivados.

É rico principalmente em cálcio, cerca de 25 a 35 por cento da necessidade diária. As vitaminas B2 e B12 encontradas no leite, auxiliam na formação de glóbulos vermelhos, reparação de tecidos ósseos (prevenindo a osteoporose), da pele e cabelo.

Entre outros minerais podemos encontrar o Potássio, que equilibra o nível de água e sódio do corpo, pela contração muscular e estímulos do sistema nervoso. Reduz o nível de diabetes tipo dois em consumos de leite de baixo teor calórico optando-se pelos desnatados.

Ovo

Possui seis gramas de proteína a cada 100 gramas ingeridas. Os ovos são ricos em vitamina B12, que auxiliam na formação dos músculos e reduzir níveis de gordura no organismo, atuando também no bom funcionamento do cérebro.

Um ovo grande contém também: vitamina B2, vitamina A, vitamina B5 e Selênio. Pequenas quantidades de cálcio, ferro, potássio, zinco, vitamina E, manganês e folato podem ser encontrados nessa proteína.

Opte por ovos orgânicos ou comprados em supermercados, para garantir que todos os nutrientes necessários irão ser consumidos.

É preciso ter cautela ao consumi-lo frito pois isso aumenta seu nível calórico, o ideal é sempre cozinhá-lo bem, para evitar qualquer contaminação com a Salmonella.

ovo rico em proteina

Deixe uma resposta